PUBLICIDADE
Topo

Estudo mostra que o Brasil não é visto no mundo como um país sério

Daniel Buarque

06/01/2020 10h25

Reportagem da CNN usa clichês sobre o Brasil para dizer que o país é nacionalidade "mais legal" do mundo

Um artigo acadêmico publicado na virada do ano na revista internacional Brasiliana analisa as percepções externas sobre o Brasil e mostra que existe uma defasagem entre as imagens do país para o resto do mundo e as aspirações históricas das políticas exteriores de tornar o Brasil um ator relevante nos assuntos globais.

Escrito em inglês, o trabalho "Brazil Is Not (Perceived as) a Serious Country: Exposing Gaps between the External Images and the International Ambitions of the Nation" (O Brasil não é (visto como) um país sério: Uma avaliação das lacunas entre as imagens externas e a ambição internacional da nação) é de autoria do autor deste blog Brasilianismo. Ele avalia a forma como o país é descrito em dez pesquisas internacionais sobre o que se pensa a respeito do Brasil no mundo. O estudo se baseia em levantamentos de opinião da população em geral, e compara essas percepções com o que o país tenta fazer em política externa.

Indo além da tradicional frase que diz que "o Brasil não é um país sério", o estudo indica que independente de ser ou não, o Brasil não é percebido no resto do mundo como sério, e está associado a estereótipos apenas de lazer e diversão.

Leia também:
Conheça a confusa história por trás da frase 'o Brasil não é um país sério' 

Saiba quem foi o embaixador autor da frase 'o Brasil não é um país sério' 

A pesquisa adota uma abordagem histórica sobre as imagens do país, sem se focar exatamente no momento atual da percepção sobre o Brasil ou sobre a política externa brasileira sob Jair Bolsonaro.

A avaliação não é um reflexo do potencial real do país, mas sim de uma imagem "decorativa", indicando que o país até tem uma percepção internacional positiva, mas que estrangeiros associam o país à ideia de férias e exotismo. Além disso, que não há o hábito de pensar o Brasil como uma potência mundial em política ou mesmo economia (por mais que o país tenha alguma força real nessas áreas).

O artigo discute essas percepções, e aproxima os estudos de 'nation branding' do debate das teorias construtivistas das relações internacionais, argumentando que as imagens e percepções são importantes nesse debate. O texto analisa dados secundários sobre o Brasil de dez pesquisas sobre marcas, e discute o que significa ser um "país sério" e como isso está relacionado às percepções estrangeiras sobre o país.

A ideia de o Brasil como uma das nações "mais legais" do mundo pode ser considerada positiva em termos de marca nacional, mas não corrobora a ambiciosa agenda histórica da política externa de uma nação que tenta se projetar como uma potência emergente no mundo. Ser "legal" é frequentemente associado a ser uma nação de festas e diversão, o que reforça a descrição frequente de que o Brasil "não é um país sério".

Veja abaixo um resumo de como a imagem do Brasil aparece nas principais pesquisas de reputação de nações no mundo

Nation Brands Index
Quem faz: GFK
Metodologia: Avalia imagem de 50 países a partir de entrevista com 20 mil pessoas em todo o mundo.
Posição do Brasil no ranking geral: 25º (em 2017)
Descrições e avaliações sobre imagem do país: O Brasil é "decorativo, mas não exatamente útil", "atraente, mas não levado a sério pelos outros países. "O Brasil tem a imagem estereotipada de ser o país de festas". "Mulheres e homens bonitos, clima maravilhoso. Ninguém trabalha. É uma economia pobre e desigual, mas é divertido, tem futebol, carnaval e samba".

Country RepTrak
Quem faz: Reputation Institute
Metodologia: Avalia imagem de 55 países a partir de entrevista com 39 mil pessoas em países do G8.
Posição do Brasil no ranking geral: 31º (em 2017)
Descrições e avaliações sobre imagem do país: "Tradicionalmente, o Brasil tem melhor pontuação em dimensões emocionais, como a beleza e a simpatia da população, perdendo terreno em questões mais técnicas como mão de obra qualificada, educação, efetividade do governo e segurança."

Country Brand Index / Country Brand Report (Latin America)
Quem faz: FutureBrand
Metodologia: Análise quantitativa e qualitativa de imagem de países a partir de 2.500 entrevistas com "lideranças" de 15 países.
Posição do Brasil no ranking geral: 43º de 118 avaliados (em 2014/2015) / 2º da América Latina (em 2017/2018)
Descrições e avaliações sobre imagem do país: "Os principais pontos fortes são beleza natural, variedade de atrações, feriados e pontos históricos de interesse, enquanto suas principais fraquezas são liberdade política, saúde e educação, padrão de vida, tecnologia e infraestrutura"

Soft Power 30
Quem faz: Portland
Metodologia: Combina dados oficiais sobre 30 nações com pesquisa com 10 mil entrevistados em 25 países
Posição do Brasil no ranking geral: 29º (em 2017)
Descrições e avaliações sobre imagem do país: "Problemas políticos, impeachment, instabilidade, turbulência econômica e escândalos de corrupção afetam a projeção de poder do país". "Tem performance moderada na categoria 'Cultura"'. "Traz diversas culturas para o mundo. Futebol, artes, festivais gastronômicos, carnaval e mais".

Best Countries
Quem faz: US News & World Report, BAV Consulting e WPP
Metodologia: Analisa a percepção internacional sobre 80 países com base em pesquisa com 21 mil entrevistados em 36 nações.
Posição do Brasil no ranking geral: 29º (2018)
Descrições e avaliações sobre imagem do país: "O Brasil é um dos principais destinos turísticos do mundo. No entanto, o país enfrenta sérias questões sobre pobreza, desigualdade, governança e meio ambiente."

Personality Atlas
Quem faz: JWT
Metodologia: Entrevistas com 6.075 pessoas em 27 países diferentes
Posição do Brasil no ranking geral: 14º (2012)
Descrições e avaliações sobre imagem do país: Parte do continente "Funland". "Carismático, divertido, bem humorado e apaixonado".

O Brasil aos olhos do Mundo
Quem faz: CNT/Sensus
Metodologia: Entrevistas com 7.200 pessoas em 18 países diferentes.
Posição do Brasil no ranking geral: Não tem ranking – analisa só o Brasil
Descrições e avaliações sobre imagem do país: "O Brasil continua a ser muito mais conhecido por sua riqueza cultural e proezas esportivas do que por seu dinamismo econômico e influência política." Os brasileiros são descritos como "felizes", "festeiros", "populares", "bons no futebol" e "bons vizinhos". Brasil é descrito como um belo país com pessoas hedonistas.

Good Country Index
Quem faz: The Good Country
Metodologia: Avalia contribuição de 163 países para o bem do planeta de acordo com 35 bancos de dados da ONU.
Posição do Brasil no ranking geral: 80º (2017)
Descrições e avaliações sobre imagem do país: "O Brasil poderia contribuir muito mais para o mundo, ser mais aberto e ter mais cooperação internacional".

Siga o blog Brasilianismo no Facebook para acompanhar as notícias sobre a imagem internacional do Brasil

Sobre o Autor

Daniel Buarque vive em Londres, onde faz doutorado em relações internacionais pelo King's College London (em parceria com a USP). Jornalista e escritor, fez mestrado sobre a imagem internacional do país pelo Brazil Institute da mesma universidade inglesa. É autor do livro “Brazil, um país do presente - A imagem internacional do ‘país do futuro’” (Alameda Editorial) e do livreto “Brazil Now” da consultoria internacional Hall and Partners, além de outros quatro livros. Escreve regularmente para o UOL e para a Folha de S.Paulo, e trabalhou repórter do G1, do "Valor Econômico" e da própria Folha, além de ter sido editor-executivo do portal Terra e chefe de reportagem da rádio CBN em São Paulo.

Sobre o Blog

O Brasil é citado mais de 200 vezes por dia na mídia internacional. Essas reportagens e análises estrangeiras ajudam a formar o pensamento do resto do mundo a respeito do país, que tem se tornado mais conhecido e se consolidado como um ator global importante. Este blog busca compreender a imagem internacional do Brasil e a importância da reputação global do país a partir o monitoramento de tudo o que se fala sobre ele no resto do mundo, seja na mídia, na academia ou mesmo e conversas na rua. Notícias, comentários, análises, entrevistas e reportagens sobre o Brasil visto de fora.