Topo
Blog do Brasilianismo

Blog do Brasilianismo

Na imprensa dos EUA, Bolsonaro é 'espelho' de Trump e 'bajula' americano

Daniel Buarque

2019-03-20T19:17:23

19/03/2019 17h23


Ao receber o presidente do Brasil na Casa Branca, o americano Donald Trump parecia se olhar no espelho, segundo reportagem do jornal The New York Times sobre a visita de Jair Bolsonaro aos EUA. A semelhança entre o estilo e a política dos dois governantes e a admiração pública de Bolsonaro por seu colega foram alguns dos temas que chamaram mais a atenção de observadores na imprensa dos Estados Unidos. Segundo a rede de TV CNN, a visita do presidente brasileiro serviu para "bajular" Trump.

"O homem que adotou a personalidade combativa de Trump –pessoalmente e no Twitter– trouxe sua adulação para a Casa Branca", diz a rede de TV CNN. A descrição da "bajulação" foi a principal chamada da página da CNN na internet na tarde desta terça-feira.

"Como outros líderes autoritários que Trump abraçou desde que assumiu o cargo, Bolsonaro é um eco do presidente americano: um nacionalista rude cujo apelo populista vem em parte de seu uso do Twitter e seu histórico de fazer declarações grosseiras sobre mulheres, gays e grupos indígenas", explicou o New York Times.

Segundo a CNN, a aproximação entre os dois presidentes foi mais marcante do que qualquer declaração real de acordos.

"Por enquanto, é uma camaradagem baseada em táticas compartilhadas, populismo (e, no caso de Bolsonaro, misoginia e homofobia) retórica e bajulação do que qualquer questão em particular", disse.

Além do NY Times e da CNN, vários outros veículos de imprensa dos EUA também noticiaram a visita de Bolsonaro ao país, como a rede de TV NBC e o jornal USA Today.

O apelido do brasileiro como "Trump dos Trópicos" também foi frequente na cobertura feita pela imprensa dos EUA. Segundo o Times, Trump se disse honrado de ter sua campanha comparada à de Bolsonaro.

"Autoridades norte-americanas disseram nesta semana que Trump apreciava a maneira pela qual Bolsonaro conseguiu chegar à vitória nas eleições do Brasil ao ser declaradamente pró-americano e dizer repetidamente que queria ter um relacionamento próximo com o presidente americano."

O jornal destacou, entretanto, que a proximidade entre os dois presidentes acontece em um momento em que Trump demonstra afinidade por líderes com tendências autoritárias, enquanto cria desavenças com parceiros históricos dos Estados Unidos.

Segundo a reportagem, Bolsonaro se junta a um grupo formado por líderes como o ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, os líderes da Rússia (Vladimir Putin), da China (Xi Jinping), do Egito (Abdel Fattah el-Sisi), da Turquia (Recep Tayyip Erdogan) e das Filipinas (Rodrigo Duterte).

Siga o blog Brasilianismo no Facebook para acompanhar as notícias sobre a imagem internacional do Brasil

Sobre o Autor

Daniel Buarque é jornalista, escritor e fez mestrado sobre a imagem internacional do país pelo Brazil Institute do King's College de Londres. É autor de cinco livros, incluindo “Brazil, um país do presente - A imagem internacional do ‘país do futuro’” (Alameda Editorial) e escreveu o livreto “Brazil Now” da consultoria internacional Hall and Partners. Nascido no Recife, escreve regularmente para o UOL e já trabalhou como editor-executivo do portal Terra, chefe de reportagem da rádio CBN, pauteiro de Mundo da Folha de S. Paulo e repórter do Valor Econômico e do G1.

Sobre o Blog

O Brasil é citado mais de 200 vezes por dia na mídia internacional. Essas reportagens e análises estrangeiras ajudam a formar o pensamento do resto do mundo a respeito do país, que tem se tornado mais conhecido e se consolidado como um ator global importante. Este blog busca compreender a imagem internacional do Brasil e a importância da reputação global do país a partir o monitoramento de tudo o que se fala sobre ele no resto do mundo, seja na mídia, na academia ou mesmo e conversas na rua. Notícias, comentários, análises, entrevistas e reportagens sobre o Brasil visto de fora.