Brasilianismo

Noam Chomsky: PT não conseguiu manter as mãos longe da caixa registradora

Daniel Buarque

Noam Chomsky: PT não conseguiu manter as mãos longe da corrupção

Ícone do pensamento de esquerda em todo o mundo, o linguista americano Noam Chomsky atacou a corrupção do PT em sua análise mais recente sobre a situação política da América Latina.

Em entrevista ao site ''Democracy Now'', que também tem um viés de esquerda e que costuma dar espaço a Chomsky, ele criticou o fato de governos de esquerda terem fracassado na tentativa de usar a oportunidade disponível para criar economias sustentáveis e viáveis, e tratou especificamente da corrupção no PT.

''É doloroso ver o Partido dos Trabalhadores no Brasil, que levou adiante medidas importantes, simplesmente não ter conseguido manter as mãos fora da caixa registradora. Eles se juntaram à elite extremamente corrupta, que está roubando o tempo todo, e tomou parte na corrupção, além de ter perdido a credibilidade'', disse Chomsky.

Segundo ele, nem tudo está perdido, entretanto, e a esquerda pode se reconstruir no Brasil, desde que tenha uma proposta econômica honesta e programas decentes ''sem roubar o público enquanto isso'', disse.

Concedida no início do mês, a entrevista de Chomsky ganha ainda mais relevância em meio aos escândalos atuais, como a lista de Fachin. Ela se destacou ainda depois de ter sido mencionada pelo jornalista Clóvis Rossi em sua coluna na Folha.

''Os governos de esquerda que se disseminaram pela América Latina, Brasil inclusive, fracassaram. No caso do Brasil (e também da Venezuela), o fracasso não é apenas das políticas adotadas mas também do ponto de vista ético. Não, não é a análise de algum direitista empedernido mas de ninguém menos que o maior ícone do marxismo, talvez o último marxista relevante ainda existente no planeta, depois que o colapso da União Soviética sepultou todos os demais sob os escombros do Muro de Berlim. Chama-se Noam Chomsky, linguista, filósofo e ativista político, que completará 90 anos em 2018'', diz Rossi, que um dia depois se retratou por ter chamado Chomsky de marxista, ainda que ele seja de fato um ícone de esquerda.

Esta não é a primeira vez que Chomsky critica a corrupção no PT, entretanto, e isso não significa uma mudança na sua leitura da realidade brasileira. Em entrevista ao mesmo ''Democracy Now'', em maio do ano passado, o linguista criticou o envolvimento do PT em escândalos de corrupção, mas ressaltou que o partido havia vencido as eleições presidenciais e que foi afastado do governo por uma elite que o detesta.

''Dilma talvez seja a única política no poder que não roubou para se enriquecer e está sendo retirada do poder por uma gangue de ladrões que o fez'', disse então.

Siga o blog Brasilianismo no Facebook para acompanhar as notícias sobre a imagem internacional do Brasil