Topo
Blog do Brasilianismo

Blog do Brasilianismo

Imprensa estrangeira destaca aumento da violência política no Brasil

Daniel Buarque

13/10/2018 07h15

A imagem de violência é uma das mais fortes associações que se percebe na imprensa internacional ao tratar do Brasil nos últimos anos. Mais recentemente, têm sido comuns as análises que tratam sobre o crescimento da violência política, que teve destaque especialmente na cobertura da morte da vereadora Marielle Franco, nos tiros disparados contra uma caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e no atentado a faca contra Jair Bolsonaro. Na semana após o primeiro turno de eleições "marcadas pela raiva", o mundo vê o ódio político florescer no Brasil.

"Tensão diante das eleições brasileiras foram ligadas a uma série de ataques violentos, incluindo um caso que está sendo tratado como um assassinato político", diz uma reportagem da rede britânica BBC.

"A frustração dos eleitores com o aumento da violência e da corrupção no país – bem como a explosão de notícias falsas inflamatórias – criou uma atmosfera tóxica que englobou a eleição deste ano", avalia o jornal inglês "The Guardian".

Os relatos sobre violência política se tornaram tão frequentes na mídia estrangeira que uma busca na internet por notícias a respeito da violência no Brasil tem mais retornos sobre a eleição do que sobre o recorde de homicídios no país –este que é uma das imagens mais fortes e mais negativas sobre o Brasil no exterior.

A agência Associated Press registrou que os casos de violência relacionados à eleição levaram os candidatos a pedirem calma a seus eleitores –ainda que a BBC tenha destacado que Bolsonaro tratou os casos como "isolados".

As reportagens na imprensa internacional relatam dezenas de casos de violência política registrados no país nas últimas semanas.

A ONG Human Rights Watch também registrou o aumento de casos violentos no país por conta da eleição. Em um texto que trata de relatos pessoais de agressão por política ouvidos de amigos, a diretora da divisão brasileira da HRW defendeu que os candidatos, Maria Laura Canineu, argumenta que os candidatos precisam ser enfáticos contra a violência.

"Eleições são um exercício de democracia, momentos especiais em que cidadãos refletem sobre o estado do país e escolhem pacificamente o futuro que querem. Mas a campanha deste ano foi manchada por ameaças e violência", diz.

Entre os casos de agressões registrados pela imprensa internacional estão situações de ataques a jornalistas brasileiros. Segundo a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo, 137 repórteres foram ameaçados ou atacados enquanto cobriam as eleições.

Siga o blog Brasilianismo no Facebook para acompanhar as notícias sobre a imagem internacional do Brasil

Sobre o Autor

Daniel Buarque é jornalista, escritor e fez mestrado sobre a imagem internacional do país pelo Brazil Institute do King's College de Londres. É autor de cinco livros, incluindo “Brazil, um país do presente - A imagem internacional do ‘país do futuro’” (Alameda Editorial) e escreveu o livreto “Brazil Now” da consultoria internacional Hall and Partners. Nascido no Recife, escreve regularmente para o UOL e já trabalhou como editor-executivo do portal Terra, chefe de reportagem da rádio CBN, pauteiro de Mundo da Folha de S. Paulo e repórter do Valor Econômico e do G1.

Sobre o Blog

O Brasil é citado mais de 200 vezes por dia na mídia internacional. Essas reportagens e análises estrangeiras ajudam a formar o pensamento do resto do mundo a respeito do país, que tem se tornado mais conhecido e se consolidado como um ator global importante. Este blog busca compreender a imagem internacional do Brasil e a importância da reputação global do país a partir o monitoramento de tudo o que se fala sobre ele no resto do mundo, seja na mídia, na academia ou mesmo e conversas na rua. Notícias, comentários, análises, entrevistas e reportagens sobre o Brasil visto de fora.