Brasilianismo

Brasil é o 20º ‘melhor país do mundo’, revela novo ranking global

Daniel Buarque

O Brasil é o 20º melhor país do mundo, diz ranking “Best Countries"

O Brasil é o 20º melhor país do mundo, diz ranking “Best Countries''

O Brasil é o 20º melhor país do mundo.

A avaliação faz parte do ranking “Best Countries'', divulgado pela consultoria internacional WPP e pelo portal ''U.S. News & World Report'', que criou uma análise bem ampla para julgar 60 países do mundo e indicar, em ordem, os melhores e os piores. Segundo este trabalho, o Brasil é um ótimo lugar para diversão e aventura, mas não exatamente um bom lugar para viver ou fazer negócios.

O Brasil é o 20º melhor país do mundo, diz ranking “Best Countries".

O Brasil é o 20º melhor país do mundo, diz ranking “Best Countries''.

O ranking se baseia nas percepções globais a respeito de 60 países do mundo. Ele leva em consideração a ideia que ''por trás da riqueza e do sucesso de um país estão as políticas que criam possibilidades, as pessoas que se esforçam e a história que molda o ambiente e a perspectiva'', diz. ''A globalização expandiu a presença de um país além de suas fronteiras físicas, e o ranking busca compreender o valor da nação além da métrica tradicional'', explica o trabalho.

O ''Best Countries'' ecoa o trabalho realizado pelo Nation Brands Index (NBI), uma análise global que avalia anualmente a forma como a ''marca Brasil'' é vista pelas pessoas em outros países do mundo. O Brasil costuma também costuma aparecer no NBI em torno da 20ª colocação, e assim como no NBI, o Brasil é mais bem avaliado em questões de lazer e turismo de que em temas mais sérios. É a imagem de que o Brasil é um país decorativo, mas não útil.

A Alemanha foi considerada o melhor país do mundo pelo ''Best Countries'', seguido pelo Canadá, pelo Reino Unido, pelos Estados Unidos e pela Suécia. Paquistão, Nigéria, Irã, Ucrânia e Argélia são os últimos colocados no ranking.

O Brasil é o país latino-americano mais bem classificado no ranking e aparece à frente de Tailândia (21º), Índia (22º), Portugal (23º), Rússia (24º), Israel (25º), México (27º), Peru (34º), Costa Rica (36º), Panamá (37º), Argentina (40º), Chile (43º), Uruguai (46º), Colômbia (49º).

O Brasil é o primeiro lugar entre os melhores países do mundo na categoria ''Aventura'', sexto lugar em ''Perspectivas de Crescimento'', e sétimo melhor do mundo em ''Influência Cultural''. O Brasil tirou nota 10 em ''Diversão'' e na categoria ''Sexy''.

Por outro lado, o país é apenas o 43º em ''Qualidade de Vida'', o 37º em ''Abertura a Negócios'', 29º em ''Empreendedorismo'' e 25º em ''Cidadania''. O Brasil tirou nota 0 na categoria ''Sistema Educacional Bem desenvolvido'', nota 0,1 em ''Sistema de Saúde Bem Desenvolvido'', nota 0,2 em ''Igualdade de Renda'' e nota 0,3 em ''Segurança''.

''Um dos principais destinos turísticos do mundo, o Brasil enfrenta no século XXI sérias questões relacionadas a pobreza, desigualdade, governança e ambiente'', diz o capítulo do estudo que trata especificamente sobre o Brasil.

A análise também já fala sobre a atual crise política: ''O crescimento encarou uma desaceleração nos últimos anos, o que gerou grande insatisfação popular em relação a problemas antigos do país, como a pobreza e a corrupção que atravessa as instituições políticas, econômicas e sociais do país'', explica.

O Brasil é o 20º melhor país do mundo, diz ranking “Best Countries".

O Brasil é o 20º melhor país do mundo, diz ranking “Best Countries''.

O estudo analisa dezenas de características qualitativas, impressões que têm potencial de influenciar as negociações globais, viagens, investimentos e afetar diretamente economias locais.

Cada país foi avaliado e recebeu uma nota em 65 atributos diferentes em pesquisas realizadas em todo o mundo. Esses atributos foram reorganizados em nove categorias que têm rankings específicos: Aventura, Cidadania, Influência Cultural, Empreendedorismo, Patrimônio Histórico, Previsão de Crescimento, Abertura aos Negócios, Poder e Qualidade de Vida. Além disso, foram usados dados mais objetivos sobre economia, prosperidade e perspectivas internacionais.

A análise é feita usando uma metodologia desenvolvida pela consultoria global WPP em parceria com a firma BAV e a universidade da Pensilvânia, nos EUA – O estudo foi divulgado pelo portal ''U.S. News & World Report''.

Siga o blog Brasilianismo no Facebook para acompanhar as notícias sobre a imagem internacional do Brasil